Entrevista a José Ramos-Horta na Antena 1

Para ouvir a entrevista, carregue na imagem / Antena 1
“O presidente de Timor-Leste, Ramos-Horta, recorda que estava em Portugal há precisamente 19 anos, na altura em que recebeu um telefonema a contar-lhe que estava a haver um massacre no seu país. 12 de Novembro de 1991 ficou para sempre marcado na História como o dia do massacre de Santa Cruz.

Nesta entrevista conduzida pelo jornalista Ricardo Alexandre, Ramos-Horta lembra as condições em que Timor-Leste se tornou independente e as dificuldades económico-financeiras que o país tinha na altura, fazendo uma comparação com a situação actual. O laureado com o Prémio Nobel da Paz admite que houve recuos e falhas na História recente de Timor-Leste, tal como em todos os processos desta natureza.

Ramos-Horta faz ainda um diagnóstico geral do estado do país, reconhecendo que há falta de quadros técnicos para resolução de problemas concretos. O presidente timorense aponta ainda críticas aos países doadores e à ONU pela falta de cumprimento dos compromissos que tinham assumido.”

2010-11-12

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: