Internet de banda larga sem fios em Timor Leste


Metade de Timor-Leste é Conectado WiMAX
por Onno W. Purbo – detikinet

Tradução do indonésio por Ken Westmoreland.

Dili – Nós quatro, Sr. Prihatman Kemal, Sr. Muchlis, Sr. Sufehmi Harry e eu, partimos da Indonésia com a missão de contribuir para ajudar Timor Leste, em particular no domínio de software Open Source. Estamos em Timor Leste entre 1-5 de Junho de 2009.

Congratulamos os nossos amigos do Ministério das Infra-estruturas de Timor Leste, uma instituição que é responsável pelas telecomunicações, estradas e energia. Amigos que nos acolheram é o Sr. Paulo Dacosta, Sr. Hilman cresceu e duas funcionárias. Sr. Paulo Dacosta, que é um dos gestores do Ministério da Infra-estrutura. Atualmente, o Sr. Hilman é um inteligente assessor da Direcção Nacional de Tecnologia Informática e Comunicações (TIC) no âmbito do Ministério das Infra-estruturas.

No início da nosso conversa com estes amigos de Timor Leste, as coisas vão ser muito interessante para nós na Indonésia, é o sucesso do Ministério da Infra-estrutura Timor-Leste, na direcção pelo Sr. Pedro Lay da Silva um dos graduados da Universidade Católica de Atmajaya. Timor-Leste está a implementar o Projeto Conectividade Nacional (PCN) que é efectuado pela Direcção Nacional de TIC do Ministério da Infra-estrutura, que é dirigida pelo Sr. Flavio C. Neves, um graduado da Universidade Gadjah Mada (UGM).

Através do PNC, o Ministério das Infra-estruturas de Timor-Leste conectou com êxito os 5 bairros de 13 distritos em Timor-Leste utilizando WiMAX. Quase metade do Timor-Leste ligado a WiMAX (internet de banda larga sem fios). Além disso, eles também operam uma VoIP, ou mais precisamente a sua Rede de Próxima Geração (RPG), como sabemos, no VoIP público sobre a sua infra-estrutura WiMAX.

Isto fará o custo das telecomunicações em geral mais baixo. Parece que a Indonésia está muito atrasa e tem que aprender de Timor-Leste na implementação do WiMAX & RPG.

A Direcção Nacional das TIC no âmbito do Ministério das Infra-estruturas em Timor-Leste está atualmente a implementar o Projeto Conectividade Nacionais (PCN), que é uma infra-estrutura essencial para que o e-governo em Timor Leste venha. Está controlado pelo astuto Sr. Hilman da Indonésia, um alumno do MIT dos Estados Unidos, que é o conselheiro para a Direcção Nacional de TIC concurso processo sob guarda até a implementação do projeto de conectividade nacional é completa.

Basicamente, o Projeito de Conectividade Nacional (PCN) nasceu da necessidade para comunicações de dados para tudo do governo em Timor-Leste. Este projeito vai apoiar comunicações dados entre os serviços com outros serviços, entre Díli e os governos dos distritos.

Na execução, há três fases no PCN, a Fase 1 para Dili, Baucau e Oecusse, Fase 2 para Maliana, Ermera, Suai e Batugade (da fronteira), e Fase 3 Ainaro, Liquiçá, Aileu, Manatuto, Same, e Viqueque e Fase de fronteira, que é Sakato, Salele e Bobonaro.

Todos os distritos em todo o Estado de Timor Leste serão provávelmente conectados em, pelo menos, um inteiro ano, de fim de 2009 ou início de 2010. Infra-estrutura inter-distrital utiliza da satélite VSAT Telkom-2. Do distrito da capital, entre o escritório do governo para usar WiMAX 802.16d versão que funciona na frequência de 3.5GHz. No edifício governamental utiliza-se WiFi e rede LAN.

O que é mais incrível, todo o processo do Projeto de Conectividade Nacional (PCN) é feito num curto espaço de tempo. Em Agosto de 2008 o PCN iniciou um projecto de amelhoração. Recurso processo, incluindo o estudo de vários países que têm implementado WiMAX, como Nauru. Houve um concurso de 18 participantes que desejem participar no PCN de vários países como a Austrália, Portugal, Singapura, Indonésia, com 9 prequalificaram, mas apenas 7 participantes que entraram no documento. O processo do concurso foi ganhado por Telkom Indonesia Internacional dirigido pelo Sr. Mulya Tambunan.

O processo de transferência de tecnologia foi feito corretamente. Pela primeira fase, a aplicação, em três distritos, é executada por Telkom Indonésia Internacional, enquanto a fazer formação para a gente em Timor-Leste.

Por dois municípios, o processo de execução é feita por amigos de Timor-Leste mesmos com as orientações de Jacarta. Há cerca de 30 timorenses, um homem que recrutou o help desk e call center para a implementação do Projeto de Conectividade Nacional (PCN). Um dos sucessos principais do PCN é a dotação orçamental para a criação de capacidades, de reforço da capacidade dos recursos humanos, incluindo as bolsas para o pessoal a aprender TIC PCN. Linda, como uma dos funcionários, apresentou o PCN aos diplomados STT Telkom (agora na secção de informática em Telkom Bandung).

Da mesma maneira, o relatório do desenvolvimento de Timor-Leste no domínio da TIC, sugere que o país seja muito mais avançado do que nós suspeitamos na Indonésia. Parece também que é preciso de aprender a Timor-Leste.

Anúncios

2 comentários

  1. Um paranben para o senhor ministro Pedro Lay e o meu Amigo Flavio Neves…bon serviso, well done.

    Bito

    Gostar

  2. Desculpem o desabafo…
    Porra que até que enfim estão a mexer no “monopólio”… OPEN SOURCE e internet sem fios?! JÁ!

    Fantástico! Que aconteçam mais coisas dessas e veremos se a TT (Timor Telecom) não “arrefece” os preços.

    Nunca entendi muito bem a negociata feita entre o governo do sr. Alkatiri e a TT…

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: