Coreia do Sul assina acordo para importar gás de Timor-Leste

A Coreia do Sul assinou hoje com Timor-Leste um memorando de entendimento para importar gás natural do mar de Timor a partir de 2013.
O memorando foi assinado no Palácio do Governo, em Díli, pelo primeiro-ministro timorense, Xanana Gusmão, e pelo ministro da Economia sul-coreano, Lee Youn-ho.

Trata-se do primeiro acordo energético assinado pelo Estado timorense com um país estrangeiro desde a independência, em 2002, e destina-se a garantir a importação pela Coreia do Sul de gás natural do campo “Greater Sunrise”.

O acordo contempla também a possibilidade de um consórcio liderado pela empresa pública Korea Gas Corp (KOGAS) pesquisar outros campos de gás natural em Timor-Leste, segundo uma declaração do ministro Lee Youn-ho.
Pelo acordo, a Coreia do Sul fica com acesso prioritário à importação de gás natural do “Greater Sunrise”, cujas reservas equivalem a sete anos do consumo energético naquele país.

A assinatura do memorando insere-se no esforço do Governo timorense para viabilizar a opção de trazer para Timor-Leste o futuro gasoduto do “Greater Sunrise”, de acordo com o secretário de Estado dos Recursos Naturais, Alfredo Pires.

A localização do gasoduto, na costa sul timorense ou junto a Darwin, ainda não está decidida e tem sido motivo de discussão e contactos com a Austrália e, também, de polémica entre autoridades e empresas dos dois países.
Os detalhes do acordo assinado hoje, incluindo a quantidade de gás natural a ser exportado anualmente para a Coreia do Sul, ainda estão por definir.
O “Greater Sunrise” situa-se na Área de Desenvolvimento Petrolífero Conjunto, partilhada por Timor-Leste e a Austrália.
A Coreia do Sul é o maior importador mundial de gás natural.
Anúncios

4 comentários

  1. Mais um ponto a favor do gasoduto para Timor.Parabens ao governo da AMP!

    Gostar

  2. É preciso é calma …

    Gostar

  3. É necessária calma e muita força, perseverança, paciência. Não é brincadeira. Coragem.M.

    Gostar

  4. Devagar devagarinho se vai ao longe. Sendo na verdade Timor o dono de toda a riqueza petrolifera do Mar de Timor, seria mais que justo que pelo menos o gasoduto fosse levado para suas terras.Enquanto ha vida ha esperanca.Resistir e’ vencer!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: